Thiago Mattos (USP – PNPD/CAPES)

Graduou-se em Letras-Francês na Universidade Federal Fluminense, onde desenvolveu pesquisa de Iniciação Científica (bolsa FAPERJ; orientação de Vanise Medeiros) intitulada “Dizeres de língua nacional nos anos 20: entre o literato e o filólogo”. Concluiu mestrado em Estudos Linguísticos, Literários e Tradutológicos em Francês na Universidade de São Paulo (bolsa FAPESP; orientação de Álvaro Faleiros), com a dissertação “(Re)traduções brasileiras de Mon cœur mis à nu, de Charles Baudelaire”. Concluiu doutorado em Letras Estrangeiras e Tradução na Universidade de São Paulo (bolsa FAPESP; orientação de Álvaro Faleiros), com a tese “O rascunho contínuo: duas retraduções de Mon cœur mis à nu, de Charles Baudelaire”. Atualmente realiza a pesquisa de pós-doutorado (PNPD/CAPES) “‘Traduzir um texto não escrito’: os Cahiers de Simone Weil”, na Universidade de São Paulo. Em 2015, organizou e traduziu com Diego Grando a antologia Petite rafale: nova poesia quebequense. Em 2017, publicou, em coautoria com Álvaro Faleiros, A retradução de poetas franceses no Brasil: de Lamartine a Prévert. Em 2012, publicou o livro de poemas Teu pai com uma pistola, com o qual participou do Festival International de la Poésie de Trois-Rivières (Canadá). Em 2014, publicou o livro de poemas Casa devastada. Em 2018, publicou a novela Solo: noturno a quatro vozes, semifinalista do Prêmio Oceanos 2019.

Pesquisar OpenEdition Search

Você sera redirecionado para OpenEdition Search